Torres é derrubado por Aegerter, mas leva bicampeonato da MotoE

Reprodução

REDAÇÃO

Na manhã deste domingo, 19, o espanhol Jordi Torres se sagrou bicampeão da Copa do Mundo FIM Enel da MotoE no GP de San Marino. O espanhol sofreu uma "tentativa de sabotagem" do adversário pelo título, o suíço Dominique Aegerte, que dependia da vitória para se sagrar campeão. O piloto tentou ultrapassar Torres na antepenúltima curva do circuito de Misano, mas freou tarde e acertou a roda traseira do espanhol que foi ao chão. O incidente fez Torres ultrapassar a linha de chegada em 13º lugar, e Aegerte em primeiro, mas uma punição de 38 segundo, por ‘Condução perigosa’, fez Dominique sair do lugar mais alto do pódio e finalizar a corrida na 12ª posição, o que não foi suficiente para impedir o bicampeonato da competição. 



Matteo Ferrari (Indonesian Gresini) acabou como campeão da prova, seguido por Mattia Casadei (Ongetta SIC58) e Miquel Pons (LCR). 

O brasileiro Eric Granado que estava na briga pelo título inédito para o Brasil, finalizou a prova na quinta posição e o campeonato na quarta colocação. Granado fez sua terceira temporada na categoria como único a vencer duas etapas (Le Mans e Assen), além de somar quatro poles.

Campeonato:

1. Jordi Torres – 100 pontos
2. Dominique Aegerter – 93
3. Matteo Ferrari – 86
4. Eric Granado – 84
5. Alessandro Zaccone – 80

MAIS ACESSADAS AGORA: