Se vacinou contra a COVID-19 e vai viajar? Saiba como obter o certificado de vacinação

Reprodução

Da redação: DEVITO | devitooficial@yaho.com

O Certificado Nacional de Vacinação COVID-19 é um documento que comprova a vacinação do indivíduo contra a COVID-19. É disponibilizado pelo Ministério da Saúde, através do Aplicativo (iOS/Android) ou Site do Conecte SUS Cidadão. Em ambas as plataformas é possível do cidadão visualizar, salvar e imprimir o seu certificado.


O certificado é gerado após a conclusão do ciclo vacinal, no caso as duas doses (Pfizer/BioNTech, CoronaVac, Oxford/AstraZeneca) ou a de dose única (Janssen), o registro da vacinação será inserido nos sistemas de informação integrados à Rede Nacional de Dados em Saúde - RNDS, Sistema de Informações do Programa Nacional de Imunizações/SI-PNI, Sistema e-SUS Atenção Primária à Saúde ou outros sistemas próprios, definidos pelos estados e municípios. Com esses dados enviados e processados para a RNDS/Ministério da Saúde, os dados são apresentados de forma automática no Conecte SUS. A partir desse momento, o cidadão poderá emitir o certificado no serviço vacina do aplicativo ou na versão web do Conecte SUS Cidadão. 

O documento poderá ser emitido nos idiomas português, inglês e espanhol e apresenta informações com dados cadastrais do vacinado (nome, data de nascimento, sexo, CPF), data e horário da emissão do certificado, dados de autenticação do certificado, e informações sobre as doses de vacinas administradas (data de aplicação, instituição responsável pela fabricação ou importação da vacina, nome da vacina, descrição da dose, lote e estabelecimento de saúde.

Para o viajante: Apesar de não existir uma normativa internacional publicada, alguns países estão aceitando o Certificado Nacional de Vacinação contra a COVID-19 como comprovante de vacinação.


MAIS ACESSADAS AGORA: