Estudo aponta o SIT como melhor opção quando o objetivo é ter gasto calórico após o exercício físico



Da redação: DEVITO  | devitooficial@yahoo.com Informações: USP

Pesquisadores da Escola de Educação Física e Esporte (EEFE) da USP apresentaram novos resultados que mostraram que o Sprint Interval Training (SIT) – metodo que propõe a máxima intensidade em um curto período, como correr durante 20-30 segundos na maior velocidade e pela maior distância possível -, tem um maior consumo energético, quando o objetivo é ter gasto calórico após o exercício. 



Na análise um dos elementos que influenciaram a quantidade de calorias gasta após o exercício físico é o tipo de protocolo adotado pelo praticante. 

O professor Emerson Franchini ressalta que isso não quer dizer, necessariamente, que o SIT seja a melhor indicação para quem busca o maior consumo energético total, pois se trata de um exercício de curta duração. A melhor prescrição de exercício deve levar em conta também o gasto calórico durante a sessão. 

“A combinação de diferentes estratégias pode ser interessante para aumentar o gasto calórico, além de proporcionar maior variação de estímulos, o que poderia, potencialmente, aumentar a aderência ao programa de exercícios”, elucida.

MAIS ACESSADAS AGORA: