Brasil fatura mais de 4 bilhões com o mercado fitness



Os critérios de beleza e saúde mudaram muito com o passar dos anos. Na história antiga, o padrão eram corpos mais arredondados e bem volumosos, hoje conhecido por “plus size”. Alguns dos pensadores e artistas da Grécia Antiga foram precursores dos estudos da anatomia humana e um exemplo disso é Leonardo da Vinci. O estudo da antropometria se iniciou a partir das obras desse e de outras grandes personalidades que retratavam em alguns de seus desenhos formas anatômicas do nosso corpo.

No mundo moderno, os corpos esculturais foram ganhando força e forma, mas para chegarmos aqui muitos mitos e verdades precisaram ser esclarecidos. Com esse novo e saudável padrão de vida presente principalmente nas academias, o comércio fitness movimentou mais de 4 bilhões de reais só aqui no Brasil e o setor cresce em ritmo acelerado, com taxas acima de 13% ao ano só neste ramo.

De 2007 a 2010 o número de academias no país mais que dobrou, hoje segundo a IHRSA (International Health Racquet & Sportsclub Association), aproximadamente 15 milhões de latino-americanos são clientes de uma academia, sendo que sozinho o Brasil possui mais da metade das academias na América Latina. 

André Zaady
Colunista Esportivo

publicidade

MAIS ACESSADAS AGORA: