Retrospectiva 2015 | Atleta gasta R$14 mil e é impedida de competir no Arnold Classic Brasil 2015


Lorena Alves, alega que foi impedida de competir no evento fitness após suspeita de ter bumbum falso. A atleta discorda da afirmação da IFBB Bahia (Federação Baiana de Musculação, Fisiculturismo e Fitness) e disse que foi avisada em cima da hora, quando já se preparava para embarcar da Bahia para o Rio, onde competiria. 

"Vou fazer uma ressonância para provar que meu bumbum é de verdade. Alegaram que era silicone, as minhas únicas próteses são nos seios. Foi uma covardia o que fizeram comigo. Em cima da hora disseram que eu estava fora. Fiquei no prejuízo porque gastei R$ 14 mil para poder estar aqui e não estou competindo", disse a mesma.

Lorena iria disputar o evento na categoria wellness, mas foi comunicada pela IFBB Bahia que estava fora do torneio. De acordo com Lorena, a entidade é responsável por selecionar atletas para tal modalidade. 
"Quando escutei aquilo eu não acreditei. Muita dedicação para nada e um misto de tristeza e impotência. Fui avisada em cima da hora e não deu nem tempo de provar minha inocência". 

Mesmo impedida de competir, a atleta esteve no evento e chamou atenção dos marmanjos. 


Fonte: Folha Vitória
publicidade

MAIS ACESSADAS AGORA: